Pular para o conteúdo

Posts da categoria ‘Informações’

Edital de Convocação – Reunião Mensal

EDITAL DE CONVOCAÇÃO

 

Estão convocados os membros da Diretoria Executiva, Conselho Deliberativo e Representantes dos Institutos de Pesquisa, biênio 2018/2019, para participarem da reunião mensal desta entidade, no dia 12 de junho de 2019, às 14h00, no Instituto Biológico, no auditório José Reis, 5o. andar, Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 1252 – São Paulo, com a seguinte pauta:

 

  1. Andamento das reformas administrativas nos Institutos ligados à Secretaria de Agricultura e Abastecimento;
  2. Atualizações sobre o PL 183/2019, relativo à concessão de áreas do Jardim Botânico;
  3. Frente Parlamentar em Defesa das Instituições Públicas de Ensino, Pesquisa e Extensão;
  4. Transferência do Hospital Vital Brasil para Emílio Ribas;
  5. Informes da tesouraria;
  6. Andamento dos ofícios encaminhados aos institutos sobre ações com o Instituto de Engenharia;
  7. Informes sobre as ações judiciais em andamento e sobre a “ação condenatória de repetição de indébito”;
  8. Reunião da APqC com a SBPC e participação na Marcha pela Ciência, em 7 de julho próximo;
  9. Carreira de Apoio;
  10. Outros assuntos.

 

Cleusa Lucon
Presidente da APqC

Diretoria APqC Biênio 2018/2019

 

Edital de Convocação – Reunião 12_06_2019

 

 

APqC inaugura série de vídeos sobre o trabalho dos pesquisadores científicos

 

A Associação dos Pesquisadores Científicos do Estado de São Paulo (APqC) lança hoje (18) o primeiro vídeo de uma série que visa divulgar ao público em geral o trabalho desenvolvido pelos pesquisadores científicos em seus respectivos institutos. O vídeo marca também o lançamento do canal da APqC no Youtube, ampliando o alcance de sua comunicação nas redes sociais.

O primeiro vídeo da série foi produzido entre os meses de janeiro e março de 2019 e gravado integralmente no Centro Experimental Central “Fazenda Santa Elisa”, do Instituto Agronômico de Campinas (IAC). A reportagem apresenta a tecnologia do broto batata-semente, desenvolvida no IAC pelo pesquisador e engenheiro agrônomo Dr. José Alberto Caram de Souza Dias.

A tecnologia do broto batata-semente é simples, mas inovadora: o plantio é feito com o broto da própria batata-semente (que geralmente é descartado na produção convencional). Entre as vantagens da técnica está o fato de que os brotos resultantes do plantio são livres de vírus e, portanto, garante ao produtor tubérculos de alta sanidade. Os produtores que adotaram a tecnologia reduziram em até 40% os custos da produção de batatas (o equivalente à despesa com a compra das batatas-sementes importadas).

Por conta deste trabalho, o pesquisador do IAC recebeu, em 2015, o prêmio Josué de Castro na categoria pesquisa científica, concedido pelo Governo do Estado de São Paulo. O prêmio tem o objetivo identificar e difundir iniciativas voltadas à formulação de soluções concretas para o combate à fome e a promoção da segurança alimentar e nutricional no Brasil e no mundo. Caram é considerado ainda o pioneiro em experimentos que comprovam o potencial de brotos destacados de tubérculos como material de propagação.

O vídeo conta com roteiro e entrevista do jornalista Bruno Ribeiro e imagens e edição do cinegrafista Décio Cesarini Jr., com participação de Leonardo França Amui (imagens da colheita de batatas).

Para ver direto no Youtube, clique aqui.

Instituto de Pesca e Apta Regional concorrem ao Prêmio Inovação Aquícola

Está aberta a votação online da primeira edição do prêmio Inovação Aquícola. A Apta Regional e o Instituto de Pesca concorrem em duas categorias: na Categoria Produto Final, com o projeto “Biscoito de Pescado” e na Categoria Políticas Institucionais com “O papel da Instituição de pesquisa na efetivação de política pública aplicada a inclusão do pescado na alimentação escolar” e “Aquisys V.1.3: Sistema Informatizado de Apoio às Boas Práticas De manejo e Gestão Ambiental da Aquicultura”.

Inédito, o concurso tem como objetivo dar luz as melhores iniciativas do setor, que cresceu 4,7% no Brasil em 2018, segundo Associação Brasileira da Piscicultura (PEIXE BR). O prêmio faz parte da programação da décima edição da Aquishow Brasil, que acontece de 14 a 17 de maio, em Santa Fé do Sul – SP.

Até o dia 21 de abril, o público vai poder escolher o melhor case nas categorias Academia, Produção, Beneficiamento, Produto Final e Políticas Institucionais. No total, 47 iniciativas foram inscritas e passaram pela avaliação de 50 notáveis, que integram associações, universidades, empresas e instituições governamentais. A análise foi feita com base no Manual de Inovação de Oslo.

Os ganhadores de cada categoria serão anunciados no dia 15 de maio durante a Aquishow Brasil. Para votar, basta acessar o site do evento (clique aqui). O prêmio Inovação Aquícola é uma iniciativa da Aquaculture Brasil, Aquishow Brasil e Seafood Brasil.

“A inovação é um dos motores para o crescimento do setor aquícola no Brasil e no mundo. Precisamos dar espaço para as novas práticas e reconhecer os processos que contribuem com as diversas fases da cadeira produtiva”, destaca Marilsa Patrício, diretora de Aquishow Brasil e uma das organizadoras do prêmio.

Novidades
O prêmio Inovação Aquicola é uma das novidades da décima edição da Aquishow Brasil, um dos maiores eventos do segmento no País, que recebe representantes nacionais e internacionais de toda a cadeia produtiva. Em 2018, a feira gerou R$ 10 milhões em negócios durante o evento.

Organizada pela Associação Peixe SP – Associação de Piscicultores em Águas Paulistas e da União, a edição de 2019 espera receber 3 mil pessoas, contar com 100 expositores e chegar a R$ 15 milhões em negócios fechados durante os quatro dias de evento. “E para isso entendemos que além da exposição, palestras e minicursos, a feira precisava de novas atrações”, destaca Emerson Esteves, presidente da Associação.

No dia 15 de maio, às 19h, vai acontecer o Tilapiada, um stand up comedy. No dia 16 de maio, das 8h às 12h, será realizado o Torneio Filetador de Ouro, em que seres humanos e máquinas vão disputar entre si quem obtêm o filé com o melhor rendimento e em menor tempo. Das 14h às 17h, é a vez do Master Fish, em que serão preparados pratos e discutido sobre Carne Mecanicamente Separadas (CMS) e o melhor aproveitamento.

As inscrições para feira e os minicursos ainda estão abertas. Elas devem ser feitas por meio do site Aquishowbrasil. O evento é destinado para empresas, pesquisadores, estudantes, investidores e produtores.

Serviço:
Prêmio Inovação Aquícola 2019
Votação online até dia 21 de abril pelo site (clique aqui)
Aquishow Brasil 2019
De 14 a 17 de maio, no Complexo Turístico, Cultural e Histórico Roberto Rollemberg, em Santa Fé do Sul – SP.
Inscrições e informações www.aquishowbrasil.com.br

Audiência Publica: Reestruturação das Políticas de Agricultura e Meio Ambiente no estado de São Paulo

A Associação dos Pesquisadores Científicos do Estado de São Paulo – APqC convida a todos a participarem da Audiência Publica sobre a Reestruturação das Políticas de Agricultura e Meio Ambiente no estado de São Paulo, que irá se realizar no dia 24 de abril de 2019, às 10h na ALESP. No dia 11 de abril (ontem) foi entregue aos deputados da ALESP uma carta aberta que apresenta os impactos negativos das reestruturações que vem ocorrendo na SAA e SIMA (em anexo). Ressaltamos a importância da participação dos associados!

 

CARTA AOS DEPUTADOS DA ALESP

Pesquisadores e servidores de apoio à pesquisa se mobilizaram para reivindicar votação urgente do PLC 04/2018

alesp13_12_2018.jpeg

Mais de trinta pesquisadores científicos e servidores das carreiras abrangidas pelas 661/91 e 662/91 estiveram ontem (13) na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) para reivindicar aos deputados a inclusão do PLC 04/2018 na pauta do dia. Apesar da mobilização da categoria, o projeto de lei complementar que dispõe sobre a isonomia salarial entre todos os cargos correspondentes ao trabalho de pesquisa científica não foi à votação em plenário. No dia anterior ele havia sido aprovado pela Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento.

Segundo Cleusa Lucon, presidente da Associação dos Pesquisadores Científicos do Estado de São Paulo (APqC), os pesquisadores e os servidores das carreiras de apoio à pesquisa passaram cerca de dez horas conversando com os parlamentares na Alesp e deram uma demonstração de força e unidade: “Não faltou empenho e esforço de nossa parte, mas infelizmente os deputados argumentaram que iriam colocar em votação apenas os projetos considerados de prioridade máxima, por conta do acúmulo de pautas no fim do ano”, disse.

Lucon pediu ainda que todos os servidores sigam mobilizados: “Precisamos do apoio de todos. O próximo ano promete ser muito duro para a categoria. Teremos que redobrar os esforços para que nossas demandas sejam ouvidas e atendidas – e isso só será possível com a adesão de todos às nossas atividades”, afirmou.

A presidente da APqC lembrou também que a associação está lutando pela aprovação do PLC 04/2018 desde o início do ano e elogiou especialmente a disposição e o engajamento dos pesquisadores Dr. José Orlando Prucoli, Dr. Percy Corrêa Vieira e Dr. Manoel Carlos Leme: “Há meses que eles têm ido à Alesp toda semana para conversar com os deputados e se informar sobre a tramitação do processo. Sem eles não teríamos conseguido dar a visibilidade que o projeto tem conquistado”. Ela informou também que o Dr. Prucoli irá à Assembleia na tarde de hoje (14) para saber se ainda há tempo de o colégio de líderes se reunir este ano e definir uma data para a votação do PLC em plenário.

Ontem, os pesquisadores e servidores das carreiras de apoio à pesquisa, munidos de cartazes, percorreram os corredores da Alesp e travaram diálogo com alguns deputados, entre eles Barroz Munhoz (PSB), Campos Machado (PTB), Davi Zaia (PPS), Carlos Giannazi (PSOL), Leci Brandão (PCdoB), Carlos Neder (PT) e João Caramez (PSB). “Fomos muito bem recebidos e conseguimos angariar apoios importantes para nossa causa. Continuaremos fazendo este trabalho de convencimento junto aos parlamentares para que, no ano que vem, possamos finalmente aprovar o PLC 04/2018”, afirmou Lucon.

 

Comunicado da APqC aos servidores das carreiras 661/91 e 662/91

Prezados servidores dos Institutos de Pesquisas, 

No final de 2017 a APqC alterou seu Estatuto para contemplar oficialmente, dentre suas missões institucionais, a defesa dos servidores dos Institutos de Pesquisa.

Nas reuniões mensais da Diretoria, Conselho e Representantes da APqC realizadas em 11 de setembro de 2018 e 9 de outubro de 2018 foi debatida a possibilidade de ampliação do quadro de associados da APqC para englobar o pessoal de apoio e assistentes técnicos.

Nessa ocasião foi retratada a impossibilidade física e administrativa da APqC para incorporá-los ao quadro de associados.

Contudo, foi unânime o interesse dos participantes em continuar atuando ao lado dos senhores na defesa e interesses do pessoal de apoio e assistentes técnicos, como sempre fez ao longo de sua história.

Dessa forma, foi deliberado que os representantes das Leis Complementares 661/91 e 662/91 serão mensalmente convidados a participarem da reunião mensal da APqC que ocorre sempre nas segundas terças-feiras de cada mês.

Ainda, para que ocorra uma representação oficial da classe de apoio e assistentes técnicos, solicitamos que seja por vocês indicados dois representantes (titular e suplente) da Secretaria do Meio Ambiente, da Saúde e Agricultura e Abastecimento para que possam formar uma Comissão de Funcionários das Leis Complementares 661/91 e 662/91.

Nas reuniões mensais será oportunizada a palavra para a comissão. Além disso,  os representantes serão incluídos no grupo  e-mail da APqC para que estejam sempre conectadas as demandas da associação.

As indicações com os nomes dos referidos titulares e suplementes de cada Secretaria deverão ser encaminhadas por e-mail: secretaria.apqc@gmail.com até 31.01.2019.

 

Campinas, 13 de novembro de 2018.

Notícias

Estudo liderado por pesquisadores da USP revela que a cada R$ 1 que o Estado aplica em pesquisa e desenvolvimento, na área da agropecuária, resulta em R$ 12 de retorno para a economia paulista. O crescimento da produtividade é um dos reflexos diretos do investimento em capital humano. E há quem questione a importância dos institutos de pesquisa científica. Leia mais no link abaixo.

http://agencia.fapesp.br/recompensa-no-prato/28800/

Ciclo de Debates do MCTP

unnamed

Destaque


RECADO IMPORTANTE


Prezados associados,

A APqC está organizando uma manifestação presencial em frente ao Palácio dos Bandeirantes, no dia 28 de Setembro, às 14h30, para cobrarmos com urgência a assinatura, pelo Sr. Governador, do decreto de elevação dos pesquisadores aprovados no acesso de 2017 e também a abertura do acesso de 2018.

Nesta ocasião, sugerimos que cada pesquisador leve a última prova ou relatório realizados (CPRTI – modelo II – acesso) e anexe uma carta de próprio punho com a manifestação de sua indignação para com o modo como estamos sendo tratados nos últimos 4 anos, quando o processo tem enfrentado vários entraves burocráticos. Estes documentos serão protocolados e encaminhados ao Governador de São Paulo, Exmo. Sr. Márcio França. Lembramos que nosso acesso é garantido por Lei e inclusive possuímos um parecer da PGE favorável à sua manutenção.

Assim, solicitamos o comparecimento na data e local mencionados acima, daqueles aprovados no ultimo acesso, bem como dos interessados em prestar o acesso de 2018 e ainda daqueles interessados em manter a carreira de Pesquisador Cientifico no Estado de SP (no total somos aproximadamente 1600 pesquisadores na ativa).

A APqC poderá contratar o transporte partindo de Campinas, dependendo da demanda (confirme à Diretoria se há interesse).

Informamos que o evento irá acontecer mediante a confirmação de, no mínimo, 130 pesquisadores, até o dia 26/09. 

Faremos a confirmação oficial do evento no dia 27/09 pelo Site da APqC.


Para confirmar a sua participação no dia do evento, clique no link abaixo:

http://www.apqc.org.br/FichaInscricao_Manifestacao_1.asp


Diretoria da APqC

Biênio 2018-2019